4 dicas para construtora ou imobiliária construir uma estratégia de venda
dicas para construtora

4 dicas para construtora ou imobiliária construir uma estratégia de venda

A perspectiva do mercado imobiliário no Brasil não é das melhores, conforme aponta a revista Exame. Devida à crise econômica que o país vem sofrendo desde de 2015 com o endividamento das famílias e os juros elevados, o setor da construção  vem sofrendo retração a mais de 30% desde de outubro de 2015, de acordo com a Embraesp (Empresa Brasileira de Estudos de Patrimônio).

Como as expectativas não são boas, muitas empresas encontraram um caminho sem volta: fechar as portas. Para as construtoras e imobiliárias que permaneceram no mercado, a queda na concorrência contribui para a melhoria da situação. Além disso, a busca por alternativas também tem mantido empresas de portas abertas.

Estratégias diferenciadas

Apesar da crise ter desestruturado diversas construtoras, existem imobiliárias que estão conseguindo manter o crescimento – ou pelo menos evitando a retração. Para isso, foi necessário investir em diferentes tipos de estratégias. Foi nesse momento que o Inbound Marketing ganhou espaço no segmento imobiliário.

A primeira vantagem encontrada é a redução de custos com marketing. Por exemplo, para realizar uma publicação de uma página aos domingos (dia com maior circulação) em jornal impresso na região de São Paulo Capital (impacto médio de 320 mil pessoas), o investimento gira em torno de R$440 mil. No digital, esse investimento cai pra R$6 mil.

Além do custo reduzido, o Inbound Marketing permite que seja feita a mensuração de resultados com precisão – sabemos exatamente quantas pessoas clicaram em um anúncio no Google. Por outro lado, não conseguimos medir quantas pessoas foram impactadas por um outdoor, por exemplo.

Inbound Marketing Imobiliário

Com cada vez mais adeptos, é importante mantermos um alinhamento comum sobre como é a atuação do Inbound para imobiliárias, pois existe uma limitação. A forma mais simples de explicar é pensar que uma imobiliária não funciona como um ecommerce. Não conseguimos gerar toda a venda pela internet porque o ticket é muito alto e a venda é complexa. Existem muitas variáveis que influenciam a venda, que vão desde o trabalho do corretor até a aprovação de financiamento em banco, que depende de muitos fatores.

Entretanto, mesmo que o Inbound Marketing imobiliário não seja feito 100% online, as estratégias facilitam a venda e a tornam mais rápida, uma vez que os prospects abordados estão muito mais perto do momento da compra. Por isso, separamos neste post 4 dicas práticas para iniciar um planejamento de Marketing Digital para uma construtora ou imobiliária.

1- Qualificação de Leads

Todo corretor, imobiliária ou construtora possui uma pilha de cartões ou uma lista de e-mails de pessoas que foram abordadas em lançamentos, feiras e eventos. O que muitas empresas observam como simples dados, para o Inbound Marketing são informações extremamente valiosas. Serão esses contatos o nossos primeiros Leads a serem trabalhados e qualificados.

Importante: Se a sua imobiliária nunca fez nenhum tipo de comunicação via email, ou se faz muito tempo que você não troca mensagens com essas pessoas, vale a pena fazer a higienização da lista primeiro, ou seja, separar os contatos que podem ser usados dos que estão inválidos. Fazer essa prática economiza tempo na prospecção e aumenta as chances de conversão em vendas futuras.

Para esses contatos, devemos iniciar a comunicação com um template de email simples. Nosso objetivo é qualificar esses Leads, uma vez que eles já tiveram um primeiro contato com a sua imobiliária. Aqui valem desde estratégias básicas, como apresentar os novos empreendimentos, até mesmo algo agressivo para venda, como fazer ofertas.

Vale ressaltar que, em paralelo, esses Leads podem receber newsletters quinzenais sobre as novidades da sua imobiliária. Essa é uma ótima forma de ser lembrado, só precisamos tomar cuidado aqui para não enviar aos clientes que já realizaram uma compra a mesma oferta novamente.

2- Geração de Leads

Ao mesmo tempo em que os Leads já existentes estão sendo qualificados, é importante que novos Leads sejam gerados. Para isso, temos duas opções principais:

Oferta fundo de funil (perto da venda)

As ofertas diretas contribuem para geração de Leads mais qualificados, que necessitam de menos tempo de nutrição, agilizando o processo de compra. No caso de imobiliárias, algumas práticas rápidas e simples podem cumprir essa função. Separamos algumas ideias para você colocar no ar já:

  • Landing Page com contagem regressiva para lançamento de novo empreendimento;
  • Ofertas com desconto ou com benefícios como “ganhe cozinha mobiliada” ou “ 2 garagens inclusas se fechar a compra neste mês”;
  • Agendamento de visita ao apartamento decorado;
  • Avaliação do seu imóvel para troca;
  • Vídeo de apresentação do imóvel com demonstração da planta baixa.

Ofertas topo de funil (primeiros passos do Lead)

Com a oferta de fundo de funil rodando, ganhamos tempo para preparar as personas e a jornada de compra, assim como os conteúdos para topo e meio de funil, que já podem servir para nutrição de Leads posteriormente. Aqui, conteúdos educativos que destacam diferenciais dos seus empreendimentos são muito bem-vindos:

  • Manual do inquilino;
  • Comparação entre bairros;
  • Dicas de como melhorar seu apartamento para venda;
  • Importância de ter um prédio com vigilância 24h;
  • Benefícios de morar perto do trabalho;
  • Vantagens de ter academia no prédio.

3 – Segmentação de Leads

Para essas Landing Pages que citamos na dica anterior, vale lembrar que incluir estratégias para segmentação de Leads desde o início facilita o trabalho de nutrição. Por exemplo, para o material de comparação entre bairros, já podemos pedir ao Lead qual a preferência dele e pensar em um fluxo de nutrição específico para aquele bairro. Dessa forma, você envia o conteúdo adequado para a persona ideal, otimizando o processo de decisão de compra.

Já para o “Manual do Inquilino” você pode questionar ao Lead qual o objetivo dele para saber se ele tem interesse em comprar, vender ou alugar. Caso o Lead selecione “alugar” e sua imobiliária não trabalhe com aluguéis, por exemplo, esse Lead não tem potencial para se tornar um cliente, ou seja, ele não precisa participar de um fluxo de nutrição de imediato.

Algumas outras opções de campo também contribuem para a segmentação de Leads, como:

  • Quantos quartos você precisa no apartamento? (Resposta: 2/ 2 a 3/mais de 3)
  • Você possui animais de estimação? (Resposta: sim/não)
  • Você possui filhos? (Resposta: sim/não)

Lembre-se apenas de que todas as informações perguntadas em formulários de Landing Pages devem ter um objetivo futuro. Perguntar apenas para saber, além de não ter finalidade, pode diminuir a conversão de visitantes para Leads.

4 – Parcerias com negócios locais

Se a sua imobiliária está explorando uma região desconhecida ou menos populosa, faz sentido que você procure negócios locais para fazer parcerias. Uma boa ideia é fechar parcerias com restaurantes que ficam nas redondezas para divulgar o novo empreendimento.

Por exemplo, sua imobiliária pode promover concursos culturais do tipo “Por que você moraria no bairro X”, estimulando os clientes a participarem em troca de um jantar grátis naquele mesmo restaurante. Além de você contribuir para o movimento do local, você também capta Leads através de uma Landing Page simples. Lembre-se de colocar um campo “você aceita receber emails sobre o empreendimento X” para garantir uma boa taxa de abertura e clique nas suas campanhas futuras.

O mesmo fluxo funciona para outros tipos de comércio, como salão de beleza, escolas e supermercados.

Resultado

A geração de Leads para topo e fundo de funil, com ações de qualificação de Leads em paralelo, são os primeiros passos para uma estratégia efetiva de Inbound Marketing imobiliário. Com ajustes rápidos e práticos, conseguimos ter pequenos benefícios como a redução no tempo do processo de venda.

Os números de mercado indicam que hoje a decisão de compra leva de 9 a 12 meses. Por isso, quanto antes você iniciar o planejamento a execução de estratégias, mais cedo sua imobiliária vai sentir o impacto dos resultados.

estratégias de marketing

Estratégias de marketing para venda de imóveis

Estratégias de marketing para o mercado imobiliário

As estratégias de marketing são importantes em qualquer negócio. Para o mercado imobiliário as estratégias de marketing para venda de imoveis é fundamental.

Mesmo com um cenário econômico não muito favorável ao mercado, é necessário encontrar meios para sobreviver e se destacar.

As construtoras que mais vem se destacando nesse mercado são as que investem em estratégias de marketing para venda de imoveis.

Com a evolução da internet o consumidor ficou mais ativo na busca de informação sobre o que deseja comprar.

Com táticas em marketing de conteúdo é possível gerar leads e a vender mais.

Veja algumas estratégias de marketing que podem ajudar nas vendas de imóveis.

Produção de conteúdo

O que não pode faltar dentro das estratégias de marketing para venda de imoveis é a produção de conteúdo. Com bons conteúdos é possível fazer crescer o tráfego orgânico e o tempo de engajamento. Isso ajuda a gerar leads, ou seja, mais gente interessada em seus produtos e serviços.

Está cada vez mais comum ver postagens em blogs com palavras-chave otimizadas nas buscas do Google.

Com isso os assuntos podem variar. Você pode criar conteúdos de qualidade falando de assuntos relacionados ao seu mercado. Sempre pensando em ajudar as pessoas a tirar suas dúvidas, ou seja, trazendo soluções para elas.

Como parte das estratégias de marketing para venda de imoveis é importantíssimo alinhar o conteúdo com o ciclo de compra do lead.

Faça vídeos curtos

Muitas empresas aproveitam ao máximo às oportunidades que surgem para alavancar seus negócios. Uma das oportunidades é fazer vídeos e usar canais como o youtube para isso.

Não é necessário ser um youtuber para produzir bons vídeos. O importante é usar sua criatividade para atrair seu público.

Faça vídeos curtos, sem alongar tanto. Caso não tenha grana para investir em vídeos, faça vídeos com seu celular mostrando os atrativos de sua obra. Você pode destacar trabalhos realizados, ou até mesmo tirando dúvidas sobre tipos e estilos de obras.

Estratégias de marketing nas mídias sociais

Isso mesmo, abusar das redes sociais. O perfil do consumidor hoje mudou e a forma de marketing também. Explore a internet como um canal de comunicação entre empresa e o consumidor tornando assim uma ferramenta comercial para o seu negócio.

Milhões de pessoas estão conectadas no Twitter, Facebook e Instegram. Então, porque não usar essas ferramentas em suas estratégias de marketing? Invista tempo na produção de conteúdo em textos e vídeo e em promoções exclusivas para os seguidores da marca nas redes. Os resultados irão aparecer. 

Se sua empresa já usa alguma estratégia de marketing, compartilha com a gente para saber se está tendo resultados.

Se estiver precisando alavancar as vendas na sua imobiliária ou construtora, fale com um de nossos consultores. Você também pode receber uma avaliação totalmente grátis de suas ações de marketing digital. Clique aqui.

Meta Search no marketing

Meta Search no marketing hoteleiro faz a diferença

Meta Search no marketing mundial

A meta Search no marketing hoteleiro está se tornando a ferramenta mais popular. Principalmente quando o assunto é viajar. O comportamento dos consumidores mudou e fazer suas pesquisas também está mudando. Eles já não estão satisfeitos com uma busca generalizada.

Esta tendência está mostrando um aumento de passageiros que utilizam meta-busca para encontrar seus hotéis.

A Meta Search cresce e vira referência para milhões de turistas, dando uma séria concorrência para OTAs e Pesquisa do Google. O mercado tem se entusiasmado com aquisições estratégicas.  Tudo isso auxilia a aumentar suas vendas. Nesse post separamos alguns detalhes sobre isso.

Meta Search no marketing de hotéis

Com o mais novo canal de Marketing na Internet, os empresários da rede hoteleira devem ficar atentos.  Afinal é uma boa notícia.  Isso abre mais um canal de comunicação nas estratégias de marketing. Tudo isso porque a Meta Search oferece uma consulta completa.

Tudo mesmo, opiniões, preços comparados, promoções, dicas, etc. O que significa que a equipe de marketing do hotel deve visar à máxima visibilidade deste novo canal. Você precisa tomar algumas decisões, preparações e depois entender o final.

Tomar a decisão

Meta Search Marketing é um híbrido de distribuição online de hotéis e marketing online. Os hotéis precisam decidir como abordar sua estratégia de marketing quando se trata de meta-busca.

Uma das principais coisas a ter em mente é o retorno sobre o gasto de anúncios (ROAs). O tratamento da meta-busca como um canal de distribuição on-line onde você define uma taxa única e a disponibilidade pode ser menos complicada, mas produzirá menos retornos e dará ROA baixos. Além disso, os hoteleiros podem perder a oportunidade de mudar a participação das OTAs e obter reservas mais diretas.

Investir no site

Na meta search no marketing é importante. Mas antes de investir no marketing de meta-busca, é de extrema importância ter um bom site do hotel. Fazer o melhor uso do canal de busca de meta significa apontar para reservas diretas, como um redirecionamento da meta pesquisa. Ficar atento às métricas das visitas ao site irá garantir que você possa alcançar a conversão máxima.

O cliente escolhe seu hotel com base no preço e informações básicas sobre meta-motores de busca e aterrou em seu site. Agora ele estaria procurando uma conexão e um tipo de impacto emocional que irá selar o negócio e fazê-lo clicar no botão Reservar agora.

Caso precise de mais informações, entre em contato com um de nossos consultores.

Meta Search

Meta Search é uma ótima ferramenta de marketing

Meta Search é um serviço que cresce no mercado online   

A Meta Search é um canal que está se tornando o favorito para muitos, pois oferece uma consulta completa – opiniões, preços comparados, promoções, dicas, etc.

O objetivo dele é tornar a pesquisa tão fácil quanto as que normalmente são feitas na Internet. Com ele, você praticamente coloca todos os seus arquivos online, em um mesmo local.

Dentro do marketing digital é uma ótima ferramenta para muitas empresas. Neste artigo falarei um pouco mais sobre esse assunto.

Meta Search, o que é?

A Meta-search é uma meta-busca, ou meta-pesquisa. Ela consiste em agregar várias informações em uma mesma plataforma para facilitar a comparação de serviços para o consumidor.  Alguns portais trabalham com este conceito: TripAdvisor (TripConnect), Google Hotel Finder, Trivago, Kayak.com.

Estes portais consultam o conteúdo em outros sites (como o Google , Google+ , Google Local ( mapas) , preços de OTAs, etc.) e, em seguida, combinam os resultados e exibem para o usuário em um único local.

Trabalhar com meta search

Os anúncios do Google funcionam e muitos já sabem disso. Nele é possível alocar orçamentos, gerenciar campanhas e lances. Os motores de busca, Meta search precisam do que você já fez com o Google Ads e também precisam de disponibilidade em tempo real.

Há empresas especializadas de marketing de meta pesquisa e motores de reserva especiais que podem resolver seu problema de alcançar o ROI máximo fora de sua estratégia de marketing meta-buscas.

Para obter o máximo do marketing do meta-motor de pesquisa, os hotéis precisam se conectar diretamente com ele. O uso da meta-pesquisa como um canal de publicidade on-line pode exigir mais investimento se for contratar uma agência. Alguns empresários podem achar esse tipo de marketing complexo, mas gera resultados.

Consulte um de nossos profissionais e saiba mais sobre a meta search.

 

 

 

Mobile marketing

Mobile marketing ajuda rede Hoteleira

Mobile marketing cresce a cada dia

O mobile marketing é o termo utilizado para determinar as estratégias de marketing. Ou seja, aquelas que são usadas em dispositivos móveis, os famosos smartphones. Cada vez mais consumidores utilizam esses equipamentos como ferramenta de entretenimento e consumo.

E a rede hoteleira não pode ficar fora dessa. É necessário saber a importância do mobile marketing nos dias atuais. Desta forma você estará fortalecendo a imagem da sua empresa.

Mobile Marketing para hotéis

Uma tendência mundial é o crescimento do uso dos celulares. Isso é o mais óbvio. Hoje temos aplicativos para banco, para organização e tudo mais. Ou seja, temos o mundo em nossas mãos.  O uso do telefone celular se consolida como o principal meio para acessar a internet no Brasil.

Isso mostra o grande potencial do mobile marketing e poder que ele pode ter. No entanto, é preciso estar presente na internet.

Tenha um site responsivo  

Já falamos em outros posts sobre a importância de se ter um site. Por isso para que sua empresa tenha presença na internet é preciso se adequar a ela. O site de seu hotel precisa aproveitar as possibilidades de ser encontrado pelos clientes de todas as formas, até pelo celular.  Ter websites responsivos, ajuda a melhorar a classificação e o posicionamento para sites.

É essencial que o site de seu hotel ou pousada seja adaptado para celulares, tablets e outras mídias e ágil em todos os dispositivos móveis. Isso ajudará a aumentar o tráfego móvel e garantir uma experiência robusta e que possa ser compartilhada em redes sociais.

Mídias sociais 

Isso também exige a presença do hoteleiro nas redes sociais como o Google+, Facebook, Instagram, Pinterest e LinkedIn.  As mídias sociais reforça a imagem da marca, estabelece um relacionamento com os clientes e ajuda nas estratégias de venda.

Use as redes sociais como seu aliado no mobile marketing ao criar conteúdos interessantes. Isso fará você construir uma ligação entre seu público-alvo. Irá despertar o desejo e converter isso em reservar, ou seja, aumentar as vendas.

O site do seu hotel está adequando ao mobile marketing?

 

Marketing político

Marketing político x Marketing eleitoral

Marketing político é igual o marketing eleitoral

Marketing político não é a mesma coisa que marketing eleitoral. Muitas pessoas acabam se confundindo com relação a este assunto. Para se fazer um bom marketing, é necessário entender esse conceito entre os dois. Há uma diferença entre eles. Isso ajudará na hora de montar as estratégias.

Como já dissemos anteriormente, conhecer a diferença entre o marketing político e o eleitoral é primordial para fazer as estratégias acontecerem. E anterior a isso, é preciso entender essa disparidade antes de traçá-la. Ignorar isso é como jogar fora tempo, esforço e dinheiro, pois seu objetivo não será alcançado.

Tentaremos ajudar você a entender mais sobre essa diferença neste artigo.

Marketing político

O marketing político visa tornar as atividades realizadas por politico, que já possui um caro público conhecida. Isso mostra que no marketing político é necessário trabalhar a imagem do político, tornando suas ações conhecidas da população eleitoral com ele se vê envolvido. Ou seja, é um trabalho que precisa ser realizado desde quando foi eleito, no decorrer do seu mandato.

Tem um ditado muito conhecido que diz, “quem não é visto não é lembrado” e no marketing político é a mesma coisa. É preciso sempre mostrar para a sociedade que o político está atuante. Desempenhando funções, propondo projetos e etc. Aí entra o marketing político. É ele quem vai levar essas informações ao conhecimento do público. Desta maneira será possível uma reeleição.

Marketing eleitoral

Já o marketing eleitoral é diferente. Ele tem apenas um objetivo: a disputa eleitoral. A partir do plano de governo do candidato serão desenvolvidas as estratégias. Tendo como meta fazer o candidato conhecido do público em um primeiro momento.

Depois, a ideia é fazer com que ele se posicione, colocando-o como preferido em relação aos outros candidatos que estão na disputa.

Trata-se de um conjunto de ações em curto prazo. Por isso, as técnicas devem ser muito bem pensadas e elaboradas para que possam surtir efeitos positivos de maneira rápida e eficiente. Desta forma é possível que seu candidato ganhe as eleições. 

O post de hoje falou sobre as diferenças entre marketing político e eleitoral. Caso tenha alguma dúvida, entre em contato com um de nossos consultores.

 

Marketing eleitoral

Marketing eleitoral; 4 dicas para alavancar

Marketing eleitoral precisa ser bem feito

Marketing eleitoral mal feito pode fazer um candidato perder as eleições. Por isso é necessário ter uma equipe qualificada e com profissionais eficientes.

Durante uma campanha eleitoral não há chance para erros. Se fizer um marketing eleitoral ruim, adeus eleições.

Para vencer uma eleição é necessário estabelecer um diferencial entre o político e seus oponentes, deixando passar uma oportunidade de ouro para se destacar e vencer as eleições. Neste artigo falaremos sobre 4 dicas que podem ajudar você a realizar um bom marketing eleitoral.

Conheça seu cargo  

Para ter um marketing eleitoral de sucesso é necessário conhecer bem o cargo que você irá exercer. Se for um governador, por exemplo, a realidade a ser analisada será maior, pois envolverá todo o estado. Se for um prefeito, por outro lado, a realidade será mais local, e ainda mais específica.

Ou se for um vereador também. O fato é saber qual a realidade da região que pretende atuar para tomar as ações corretas.

Seja bem detalhista. Faça um bom mapeamento das necessidades do seu público.  Assim suas chances serão maiores que dos seus concorrentes.

Faça pesquisas

As pesquisas estatísticas são fundamentais para planejar todo o marketing eleitoral, pois a partir das informações obtidas é que podem ser traçadas as estratégias para conquistar a população. Uma das perguntas mais realizadas nas pesquisas é: Quais são os pontos positivos e negativos do governo atual?

Além disso, é possível você perguntar sobre o que as pessoas gostariam de melhorias em um novo governo. E por aí vai. Geralmente essas pesquisas são realizadas por agências especializadas no assunto.

Conheça seus adversários

Para ter um bom marketing eleitoral você deve estar atento a tudo. Principalmente nos seus adversários. Leve em consideração o que os opositores estão fazendo. Observar os concorrentes pode te dar ideias do que fazer, bem como te mostrar o que evitar!

Fazer isso possibilitará você analisar quais são suas propostas, estratégias, pontos fortes e fracos, para poder ter uma base do que você está fazendo bem e do que pode melhorar.

Grupos sociais

Quando falamos em fazer um bom marketing eleitoral de sucesso, não podemos esquecer os grupos sociais da nossa região. Associações de bairro, manifestações recentes, entre outros.

Procure os representantes para conversar com eles, buscando soluções em conjunto para seus problemas. A partir disso, essas informações podem ser utilizadas de forma estratégica para consolidar o marketing eleitoral.

O que você achou deste artigo?

 

marketing digital nas eleições

Marketing digital nas eleições e sua importância

Marketing digital nas eleições é um diferencial

Marketing digital nas eleições pode fazer seu cliente se destacar entre os demais concorrentes. O Marketing Digital se tornou a melhor opção para empresas ou personalidades  que precisam de visibilidade.

Hoje em dia é fundamental ter uma presença na era digital. E se uma pessoa está buscando mais informações sobre seu candidato e não a encontra na internet? Aas chances de ele não entrar em contato com você são imensas. Um possível eleitor poderá desistir de entender mais sobre suas propostas.

Nesse artigo separamos algumas dicas importantes sobre marketing digital nas eleições.

Presença forte na internet

O marketing digital nas eleições ajuda você a estar onde seus possíveis eleitores estão. Ou seja, fazendo pesquisas na internet quando querem saber de alguma coisa.

O Google é considerado o maior buscador online do mundo. Um bom investimento em Marketing Digital pode contribuir para que você apareça nos resultados e seja encontrado facilmente.

Claro que a presença digital vai além de mecanismos de busca e redes sociais. Um site com um domínio próprio é o mínimo que sua empresa precisa para ter uma boa presença digital.

Sua audiência

Como você se relaciona hoje com sua audiência? Você sabe quem são os seus clientes? Seus hábitos de consumo? Seus comportamentos? Suas profissões?

Outro ponto importante do Marketing Digital é o fato de você poder construir uma audiência que realmente deseja se relacionar com ela até fidelizá-la.

O Marketing Digital possibilita que você atraia as pessoas que realmente estão interessadas.

Além disso, você pode organizar esses contatos, seja por meio de emails cadastrados, assinantes de uma newsletter ou até mesmo fãs no Facebook. Com o passar do tempo, essa audiência se tornará um ativo fundamental para a empresa.

Baixo investimento

Com as ferramentas existentes hoje, com o alto poder de segmentação e com as mais variadas estratégias de otimização do site para mecanismos de busca, investir em Marketing Digital tornou-se muito mais barato do que investir na mídia tradicional.

Com o passar do tempo, o preço para fazer marketing offline acabou ficando alto. Anunciar na televisão, no rádio, na mídia impressa ou em outdoors custa caro. É um investimento alto e do qual a maioria das empresas, principalmente as que ainda possuem pouco faturamento, não consegue dar conta.

Já o Marketing Digital, embora exija, sim, um mínimo de investimento, pode ser muito mais barato do que o marketing de forma offline. Não à toa, as estratégias de marketing online ocupam também grande parte das estratégias de marketing de grandes empresas.

Analisar resultados

Como dissemos acima, o Marketing Digital permite que você determine com muito mais precisão quem é seu público e quais são seus gostos e preferências.

Da mesma forma, é possível acompanhar com a mesma precisão os resultados de qualquer ação de Marketing Digital.

Vamos usar como exemplo. Uma campanha de Email Marketing.

Você consegue ter o acesso exato de quantas pessoas abriram o email, quantas clicaram em algum link e até mesmo quantas efetuaram uma compra por meio dessa campanha.

O exemplo não se limita a esse tipo de campanha. É possível monitorar com extrema precisão o comportamento dos usuários em seu site, o desempenho de anúncios no Google, os resultados de uma postagem nas mídias sociais, o caminho de referência do usuário até ele se tornar cliente e muito mais.

Nesse aspecto, ferramentas de web analytics ajudam muito na hora de mensurar os mínimos detalhes dos resultados das estratégias de Marketing Digital.

 

eleições

Eleições 2018: Tenha uma campanha bem sucedida

Eleições e a importância do marketing

Eleições 2018 prometem aquecer o marketing nas eleições. Por isso é preciso ficar atento a todos os detalhes. Primeiro você precisa saber qual perfil você ou seu cliente se encaixa.

É necessário saber se será necessário fazer o marketing politico ou eleitoral. Após descobrir essas diferenças, é hora de colocar a mão na massa. E bora começar sua campanha.

Neste artigo separamos algumas dicas para você entender mais sobre isso.

Eleições requer comunicação personalizada

O marketing digital vem se destacando em muitas campanhas quando o assunto são as eleições. Com o avanço das tecnológicas o público está cada vez mais exigente. Além disso,  estão antenados a tudo.

Para que sua campanha seja eficiente é necessário ter uma comunicação personalizada. Sua mensagem precisa chegar ao seu destinatário da forma que seu público se identifique.

Ter um banco de dados virtual ajuda você a classificar cada contato com as características que desejar, como idade, profissão, gênero, entre outros. Assim, no momento de enviar uma mensagem você pode direcioná-la à pessoa que tiver interesse em recebê-la, gerando um ótimo resultado.

E-mail marketing

O marketing digital vem ganhando cada vez mais adeptos no contexto de marketing eleitoral ou politico. Por ser mais acessível, se torna um meio eficiente de atingir um grande número de pessoas em poucos minutos.

Uma das ferramentas eficientes nas eleições é usar o e-mail marketing.

Com ele é possível enviar mensagens personalizadas aos usuários, pois se trata de uma ferramenta de marketing direto. Ou seja, ele vai direto ao destinatário escolhido, de forma segmentada e mensurável.

E com a internet é possível desenvolver estratégias de marketing assertivas nas eleições.

Redes sociais

Esse dado mostra que os políticos devem aproveitar as redes sociais para alavancar seu marketing eleitoral. Aqueles que decidem se aventurar nesse ambiente possuem grandes chances de aumentar a sua popularidade e de conseguir os votos necessários para vencer as eleições!

Criar uma página e não um perfil no facebook pode ajudar muito. Isso pode ajudar seu candidato a gerar a imagem de alguém que é antenado e que está disponível para o seu público. Além disso, as redes sociais e os sites permitem uma interação rápida e eficiente entre o candidato e seus potenciais eleitores.

Tenha um website

Já falamos anteriormente e em outros artigos sobre a importância de se ter um website para marcar presença na internet. Nas eleições não é diferente. Se o candidato não tiver um site, ele já perde possíveis eleitores que poderiam ir atrás de informações dele. Por exemplo, quais as propostas de governo? Qual trajetória política? E por aí vai…

Lembre-se que hoje em dia um site é seu cartão de visita. Ou seja, mostra que você está disponível para se comunicar com todos. Você poderá criar um formulário de contato, por exemplo.

Dessa forma, cria um vínculo do político com as pessoas interessadas em sua campanha. Nós recomendamos que você tenha um assessor disponível para responder os contatos que sejam realizados.

Isso, tanto através do site quanto através das redes sociais do político. A falta de resposta pode deixar o usuário desiludido com o candidato.

Mídias tradicionais

Essa é uma diga que não poderíamos esquecer. Usar estratégias de marketing tradicionais precisa ser realizado. Isso mesmo, os jingles, os slogans, a distribuição de panfletos e a propagando em horário eleitoral e o famoso e caloroso debate.

No entanto, lembre-se: Avaliem quais dessas mídias fazem mais sentido junto ao público-alvo que você deseja atingir.

Se ficar com alguma dúvida, estamos prontos para ajudar você!

 

agência de marketing digital

Agência de marketing digital, o que ela faz?

Agência de marketing digital faz toda a diferença

Chegou a hora de contratar uma agência de marketing digital. A primeira dúvida que surge é; o que uma agência de marketing digital faz? Quais os serviços que ela realiza? Essas dúvidas são normais de acontecer, afinal com a evolução da tecnologia, o marketing também avançou.

Nesse artigo vamos explicar mais sobre esse assunto. A agência de marketing digital vem ganhando força e alavancando o mercado de negócios na internet. Agora vamos entender mais.

Agência de marketing digital

Uma agência de marketing digital é uma empresa que foi criada para suprir as necessidades do mercado online. Como mostramos em um artigo anterior, o perfil do consumidor 3.0 é outro. Eles buscam por produtos ou serviços através da web. Por isso, as agências de marketing digital surgiram para facilitar as ações entre clientes e empresas.

Além disso, as agências fazem campanhas para que sua marca seja conhecida no mundo, mesmo com sua empresa cheia de concorrentes.

Para que isso aconteça há várias etapas. Conheça algumas que separamos para você.

Desenvolver website

A agência de marketing digital desenvolve sites. Mas não é qualquer site. Eles usam um layout personalizado para sua empresa e seu negócio. Além disso, usam ferramentas de SEO, com uma estrutura planejada para ser ranqueado pelo Google. Tudo isso é estudado pela sua agência de marketing digital.

Gerar conteúdo

A agência de marketing digital cria conteúdo de qualidade. Essa é uma das principais estratégias do marketing digital. Esses conteúdos são relevantes para o cliente dentro do seu site ou blog.

Nesses conteúdos são gerados conteúdos que possam ajudar a esclarecer dúvidas. Com uma agência de marketing, sua equipe de profissionais é especializada no assunto. Eles escolhem assuntos adequados para cada perfil de cliente.

Redes sociais

Esse é um dos serviços oferecido pela agência de marketing, monitorar as redes sociais. Muitos pensam que apenas estar nas redes é o necessário. No entanto, é necessário saber como se comportar diante dos seus consumidores.

Para estar ativo é necessário ter uma boa equipe administrando tudo isso. Nesse monitoramento é preciso acompanhar comentários e responder todos. Além disso,  estar ligado  em postar conteúdos relevantes dando suporte ao seus clientes.

Campanhas em mídias digitais

A agência de marketing digital realiza campanhas publicitárias. Essas campanhas necessitam de um planejamento.  Nessas campanhas é preciso saber quem são os concorrentes e conhecer o público alvo, para então ver quais serão as melhores estratégias a serem utilizadas.

Além disso, eles acompanham quantas as pessoas visitaram seu site, taxa de conversão, taxa de rejeição, entre outros detalhes.

Uma agência de marketing trabalha com profissionais capacitados de vários setores, como publicidade, marketing, jornalismo, web designer. Tudo para proporcionar satisfação ao cliente que contratou o serviço.

Consulte nossa equipe e tire suas dúvidas.

 

BACK TO TOP