11 dicas de ferramentas de monitoramento de redes sociais que você precisa conhecer
monitoramento de redes sociais

11 dicas de ferramentas de monitoramento de redes sociais que você precisa conhecer

O monitoramento de redes sociais precisam ser eficazes nos dias de hoje

Atualmente, as redes sociais são ferramentas indispensáveis para as empresas. E para garantir que o marketing em redes sociais seja bem-sucedido, é imprescindível um monitoramento de redes sociais constante e atento.

O monitoramento de redes sociais se tornou uma verdadeira necessidade a partir do momento em que muitas empresas passaram a se relacionar com os consumidores através desse canal.

Monitorar expressões, links, palavras-chave ou até mesmo usuários, passou a fazer parte do trabalho das equipes de comunicação das empresas. Existem diversas métricas utilizadas para medir o seu desempenho nas redes sociais. Somente por esse caminho será possível adquirir dados capazes de aprimorar sua estratégia, resolver crises e aumentar a conversão.

Sem um gerenciamento bem planejado, uma boa organização de posts, compreensão da persona e o acompanhamento de métricas, fica difícil mandar bem nas suas ações sociais.

Pensando nisso, separamos as 11 dicas de ferramentas de monitoramento de redes sociais que você precisa conhecer!

1. Quintly

O Quintly permite que você acompanhe até 3 páginas do Facebook. Analisando estatísticas sobre seus seguidores e o engajamento deles com seus posts. É possível customizar o dashboard com diferentes widgets para acompanhar diversas métricas.

2. Cyfe

Quando se trata de dashboards a Cyfe é a ferramenta mais robusta do mercado. Mesmo o seu plano gratuito oferece uma enorme customização dos dados e métricas das principais redes sociais existentes.

Ela também oferece um “modo TV” que permite instalar um telão em uma sala ou ambiente profissional. Isso faz com que várias pessoas consigam acompanhar o desempenho de determinada marca em tempo real.

3. Google Analytics

Além de ser a principal ferramenta para análise e desempenho de sites, o Google Analytics também oferece diversas métricas voltadas para o social. Como a quantidade de visitantes que chegou ao seu site a partir de cada rede, ou quais blogs trouxeram mais acesso para a sua marca, por exemplo.

4. Fanpage Karma

Ao conectar sua Fanpage gratuitamente, você irá receber uma análise de desempenho extensa, com dados de engajamento, melhores horários para postar. Além de dicas de frequência, tipos de posts mais relevantes, influenciadores, entre outros.

A ferramenta também permite exportar os dados para planilhas em Excel, a fim de que sejam cruzados com outros.

5. Hootsuite

O Hootsuite é uma das melhores ferramentas gratuitas de monitoramento social. Ela cobre as principais mídias como o Facebook, Twitter, LinkedIn, Instagram, WordPress, Google + e o Foursquare.

Além de relatórios semanais, é possível cadastrar um time de marketing, enviar mensagens privadas e atribuir tarefas a cada um deles. A versão gratuita permite monitorar até 3 redes sociais simultaneamente.

6. Social Mention

O Social Mention é uma das melhores ferramentas gratuitas de acompanhamento social. Conhecida como uma listening tool, ele monitora mais de 100 sites de mídias sociais e analisa os dados de forma mais profunda, dividindo-os em 4 categorias: Força, Sentimento, Paixão e Alcance. (Strengh, Sentiment, Passion and Reach).

7. Shared Count

O Shared Count é um serviço que acompanha quantas vezes uma URL foi compartilhada nas principais redes sociais, incluindo Facebook, Twitter, LinkedIn e Google +.

Além do compartilhamento de URL’s, ele também acompanha likes, tuítes e muito mais. O plano grátis permite até 10 mil consultas por dia.

8. Social Searcher

O Social Searcher é uma busca em tempo real dentro das principais redes sociais junto com uma ferramenta de análise.

Você pode procurar, sem a necessidade de fazer login, por dados no Twitter, Google + e Facebook. Também é possível criar alertas e salvar suas buscas.

O serviço premium expande essas possibilidade para salvar históricos, integração com a API do programa e muito mais.

9. Edgerank Checker

O Edgerank Checker é uma ferramenta de análise da Social Bakers que monitora, ranqueia e analisa a sua página no Facebook.

Ele fornece diversas informações para otimizar a sua fan page e ajuda a definir as melhores estratégias para suas ações online. Também é possível testar dias específicos para saber que os seus fãs estão mais ativos no Facebook.

10. Google Alerts

O Google também tem uma ferramenta bem legal que pode ser utilizada para as redes sociais.

O Google Alertas pode ser usado para monitorar qualquer interação online, inclusive menções nas redes sociais e outras atualizações dentro dos seus canais sociais.

11. Google Trends

O Trends é completamente gratuito e permite que você analise termos mais buscados e termos mais populares em um determinado período de tempo. Como os assuntos mais buscados no Google também refletem nas redes sociais. Ele é uma ferramenta incrível para entender e monitorar sobre o que sua audiência está falando.

O monitoramento bem feito é essencial para atingir o sucesso nas redes sociais. Nunca se esqueça de avaliar seus resultados e analisar o que anda funcionando para sua empresa.

Monitoramento nas Redes Sociais

Redes Sociais: Como fazer monitoramento eficiente

Dicas importantes de monitoramento nas redes sociais

Talvez você ache que fazer o monitoramento das redes sociais não seja muito importante por achar que elas só são usadas para entretenimento e compartilhamento de imagens e vídeos engraçados, certo?

Errado! Esse cenário já mudou há algum tempo e você precisa, urgentemente, atualizar sua forma de trabalho perante as redes sociais.

As grandes marcas já notaram que as redes sociais são um forte aliado para o engajamento direto com seu cliente, e nossa Fanpage no Facebook é um exemplo, pois é um canal de comunicação aberto e muito mais descontraído.

As Redes Sociais proporcionam um ambiente extremamente favorável para resolver problemas, medir interesses e diversos outros aspectos para promover a sua marca.

Por isso, é muito importante sua empresa estar presente nas redes sociais e fazer o monitoramento de forma eficiente e constante, tanto para medir os resultados, como o comportamento dos usuários. Dessa forma você estará sempre atualizado e com bons dados se precisar melhorar sua estratégia.

A Divulggare pode ajudar a criar ações e estratégias nas redes sociais. Clique aqui para mais informações.

Como faço o monitoramento das Redes Sociais?

Independente das informações que você queira buscar em seu monitoramento, podendo ser a própria marca, produtos, concorrentes ou pesquisa de mercado, é preciso ter em mente um objetivo traçado para fazer esse monitoramento e seguir alguns passos para uma pesquisa de sucesso com resultados consistentes e qualificados.

Defina seus termos de busca

Este é o primeiro passo a ser definido ao criar um monitoramento nas redes sociais. A escolha dos termos varia de acordo com a estratégia da sua pesquisa e é ela que fará o primeiro filtro nos seus resultados.

No caso de uma análise de concorrência, por exemplo, lembre-se de utilizar, além dos nomes dos principais players do seu mercado, as hashtags que eles utilizam e suas contas nas redes sociais. Lembre-se de utilizar aspas no caso de marcas e/ou termos compostos.

Defina suas métricas

Para acompanhar os resultados do seu monitoramento em tempo real ou na periodicidade que você preferir, é importante ficar predefinido algumas perguntas que você queira responder com os dados dos seus relatórios. Aqui vão alguns exemplos:

Qual foi o número de pessoas possivelmente impactadas pelas menções sobre a minha marca nas redes sociais?

Em relação aos usuários, qual a localização com maior número de pessoas comentando sobre a minha marca?

Quem são os usuários que mais falam sobre a minha marca e os que têm maior credibilidade?

Qual é o horário que mais mencionam a minha marca e/ou meus concorrentes nas redes sociais?

Quais são as palavras mais utilizadas pelos usuários ao mencionarem minha marca? E meus concorrentes?

Descobrindo meu público-alvo

O primeiro ponto descobrir seu público-alvo. Infelizmente não dá para abraçar o mundo, então precisamos achar as pessoas que tem interesse em sua marca.

Analise se o seu maior público é maior entre as mulheres ou de homens, qual a faixa etária deles, qual a região de vivem, quais são os interesses e qualquer outra informação que possa ajudar a traçar uma persona.

Como o meu público se comporta?

A escolha das mídias sociais que serão monitoradas é mais um passo importante da criação de um monitoramento.

Não adianta você aplicar toda a sua energia em postagens no instagram, se o seu público está no Linkedin ou no Facebook.

Sabendo a rede social mais eficiente para o seu tipo de negócio, você começa a medir o alcance de formato, os horários que as pessoas estão mais presentes, para que possa traçar uma estratégia mais assertiva. O Sebrae postou em seu site algumas ferramentas que possa te ajudar no monitoramento.

Além da busca pelo feed das redes sociais mais comuns é válido adicionar, por exemplo, as páginas que você ache interessante acompanhar.

Assim é possível visualizar todas as interações públicas de usuários com as marcas. Mais uma opção, é também adicionar grupos, feeds de RSS, entre outras.

Como falar com meu público-alvo?

Quando se fala em conteúdo, muitos acabam ligando a artigos escritos. Mas nas redes sociais o conteúdo também pode ser gráfico ou visual.

Você tem uma série de possibilidades, podendo ser artigo, e-books, vídeos, fotos.

Outra questão é o tipo de linguagem usada, você precisa estar de acordo com a rotina de seu público, fazer testes para descobrir se eles gostam de uma linguagem mais descontraída ou uma linguagem mais formal.

As próprias redes sociais disponibilizam ferramentas de monitoramento cada uma com suas particularidades, sendo assim, cabe a você entender o funcionamento daquela que tiver mais a cara de seu negócio. Além disso, você pode contar com a ajuda de ferramentas de monitoramento de médias sociais que costumam reunir em um só lugar as métricas das contas cadastradas.

Trabalhe com filtros em seu monitoramento

Após criar o seu monitoramento, a utilização de filtros pode ajudar a buscar informações específicas dentro da sua busca. Você pode, por exemplo, filtrar uma data para acompanhar a repercussão de uma campanha realizada pela sua marca ou um dos seus concorrentes.

Ainda nos filtros, é possível buscar informações por palavra-chave, mídias sociais, nome de usuários, entre outros dados.

Utilize tags e categorias

Com a sua pesquisa rodando de forma otimizada, é interessante utilizar tags para categorizar as informações buscadas na sua pesquisa.

Com elas, é possível separar as menções por temas mais comentados pelos usuários, identificar oportunidades de mercado e comparar as informações em seus relatórios. Por exemplo: Reclamação, Atendimento, Produto, etc.

Espero que essas dicas possam te ajudar a fazer um monitoramento de redes sociais com resultados mais precisos e eficientes.

Até breve!

Marketing no Facebook

Marketing no Facebook com Eficiência: Saiba como fazer

Marketing no Facebook já é uma realidade para boa parte das empresas

Desenvolver um marketing no Facebook, promover uma marca no ambiente online, aumentar a visibilidade de uma empresa, com novas formas de comunicação, novas exigências dos clientes e novos hábitos de consumo e entretenimento, se não houver um bom planejamento estratégico, sua empresa não vai conseguir aproveitar todo o potencial das redes.

Há mais de 1,86 bilhões de usuários do Facebook ativos mensais, mas nem todas elas sabem como realmente fazer marketing no Facebook de maneira efetiva..

E a sua empresa não pode ficar fora desse futuro, não é mesmo? Você já explora o Marketing no Facebook?

Faça marketing no Facebook e gere engajamento

Uma página com centenas de curtidores engajados pode ser mais interessante para sua empresa do que uma com milhares de usuários que nem sequer vêem mais suas postagens.

Investir em boas imagens é um dos pontos fundamentais para atrair seu público, já que as fotos estão presentes em 93% das publicações com maior taxa de engajamento, conseguindo 53% mais likes e 104% mais comentários do que posts sem elas.

Crie conteúdo autoral para sua fanpage

De que adianta você fazer tudo bonitinho se você apenas compartilha conteúdo dos outros?

Além de você estar apenas ajudando outras marcas a se promoverem nas redes sociais, você está perdendo a autoridade perante sua audiência.

Por isso, crie conteúdos autorais e instigue a curiosidade e participação do usuário. Essa é uma dica fundamental para o marketing no Facebook.

Claro que uma matéria ou uma imagem que tenha tudo a ver com o interesse do seu público pode e deve ser compartilhada.

Mas isso é uma exceção no seu trabalho de marketing no Facebook.

A maioria do seu conteúdo deve ser produzido por você mesmo, assim como fotos, vídeos, textos, enquetes, links para sites ou blogs.

O importante é que você trabalhe a seu favor e dê audiência para a sua marca.

Tenha um atendimento exemplar e cortês

Não adianta a sua empresa possuir uma ótima página, com muitos fãs, com posts muito bem aceitos e compartilhados se ela peca no atendimento.

É fundamental que um profissional capacitado esteja pronto para responder as dúvidas dos clientes.

Procure ter como meta atender a todos os clientes o mais rápido possível. O atendimento rápido e de qualidade será um diferencial importante para encarar a concorrência.

Monitore suas Redes Sociais

As estratégias de marketing no Facebook passam pelo uso de ferramentas que fazem ter maior controle e assertividade nas ações estabelecidas pelo planejamento.

Elas auxiliam nas estratégias e monitoramento para que assim, consiga extrair dados fundamentais que direcione as ações do marketing.

Além de poder conciliar com mais facilidade com outros sites de relacionamento, essas ferramentas permitem um trabalho mais organizado e têm recursos a que você não terá acesso diretamente pelo Facebook, como, por exemplo, a análise da sua audiência.

Com essa informação, você poderá postar na hora em que mais houver seguidores conectados na rede e realizar um trabalho de marketing no Facebook mais assertivo.

Invista no Facebook Ads

Pensar em Marketing no Facebook sem investimento em mídia paga hoje em dia é uma verdadeira utopia.

O alcance orgânico de uma publicação no Facebook está em torno de 3% a 5% da base de fãs da página.

É claro que páginas com EdgeRank alto conseguem atingir mais do que isso, mas o alcance padrão é esse.

Portanto, é preciso investir em Facebook Ads, seja no impulsionamento de campanhas para atingir uma porção maior de fãs ou em ações de marketing específicas através dos anúncios no Facebook.

O ideal é ter um profissional já experiente nessas horas te auxiliando ou uma empresa especializada nestas funções.

Mas se por acaso você resolver fazer uma aventura solo no mundo do Facebook Ads, é essencial que você pelo menos utilize o Facebook Power Editor ou o Ad Creator.

Tenha um plano de gerenciamento de crise

Ter um plano de gerenciamento de crise também faz parte do planejamento de marketing no Facebook.

Toda empresa pode sofrer com erros e problemas que, se não tratados a tempo, podem gerar uma grande propaganda negativa na rede social. Por isso, é importante saber o que fazer quando isso acontecer.

É ideal que a sua estratégia de marketing no Facebook tenha um plano de gerenciamento de crise.

Ele indicará as medidas que devem ser tomadas para falar com os clientes lesados, quais as divulgações que a sua marca deve fazer para minimizar o ocorrido e dizer que o problema já está sendo solucionado.

É imprescindível que em situações de crise e de deterioração da marca a sua empresa responda rapidamente com uma conclusão ou com uma justificativa para os consumidores afetados.

Esperamos que essas dicas tenham te ajudado. Se ainda tiver dúvidas, deixe seu comentário! Compartilhe com a gente a sua experiência e boa sorte com seu marketing no Facebook !

BACK TO TOP