Marketing político x Marketing eleitoral

Marketing político

Marketing político é igual o marketing eleitoral

Marketing político não é a mesma coisa que marketing eleitoral. Muitas pessoas acabam se confundindo com relação a este assunto. Para se fazer um bom marketing, é necessário entender esse conceito entre os dois. Há uma diferença entre eles. Isso ajudará na hora de montar as estratégias.

Como já dissemos anteriormente, conhecer a diferença entre o marketing político e o eleitoral é primordial para fazer as estratégias acontecerem. E anterior a isso, é preciso entender essa disparidade antes de traçá-la. Ignorar isso é como jogar fora tempo, esforço e dinheiro, pois seu objetivo não será alcançado.

Tentaremos ajudar você a entender mais sobre essa diferença neste artigo.

Marketing político

O marketing político visa tornar as atividades realizadas por politico, que já possui um caro público conhecida. Isso mostra que no marketing político é necessário trabalhar a imagem do político, tornando suas ações conhecidas da população eleitoral com ele se vê envolvido. Ou seja, é um trabalho que precisa ser realizado desde quando foi eleito, no decorrer do seu mandato.

Tem um ditado muito conhecido que diz, “quem não é visto não é lembrado” e no marketing político é a mesma coisa. É preciso sempre mostrar para a sociedade que o político está atuante. Desempenhando funções, propondo projetos e etc. Aí entra o marketing político. É ele quem vai levar essas informações ao conhecimento do público. Desta maneira será possível uma reeleição.

Marketing eleitoral

Já o marketing eleitoral é diferente. Ele tem apenas um objetivo: a disputa eleitoral. A partir do plano de governo do candidato serão desenvolvidas as estratégias. Tendo como meta fazer o candidato conhecido do público em um primeiro momento.

Depois, a ideia é fazer com que ele se posicione, colocando-o como preferido em relação aos outros candidatos que estão na disputa.

Trata-se de um conjunto de ações em curto prazo. Por isso, as técnicas devem ser muito bem pensadas e elaboradas para que possam surtir efeitos positivos de maneira rápida e eficiente. Desta forma é possível que seu candidato ganhe as eleições. 

O post de hoje falou sobre as diferenças entre marketing político e eleitoral. Caso tenha alguma dúvida, entre em contato com um de nossos consultores.